Por: Prof. Pedro M. Martins, CEO do PMhub, agileTXlab e PMic, Dean da EABS

A Transformação Digital é provavelmente a mais radical e rápida revolução da humanidade, desde sempre, por isso é a prioridade do momento de empresas de todo o porte, em todo o mundo; só no Brasil prevê-se um investimento em tecnologias de Transformação Digital superior a R$ 250 bilhões até 2021.

Mas não podemos confundir digitalização de processos, que é a melhoria de eficiência através da informatização dos atuais processos e modelos de negócio, com a Transformação Digital que são outros processos, outros modelos de gestão, outras organizações, outros modelos de negócios, outra economia, outro tipo de sociedade.

Na realidade a Transformação Digital é muito mais que novas tecnologias é uma nova cultura disruptiva, Agile Mindset, sem a qual as novas tecnologias não passarão da simples digitalização de processos com baixo impacto transformador.

Agile Mindset como Cultura Organizacional de Alta Performance

Em Fevereiro de 2001, o Tio Bob e 16 profissionais de TI da comunidade Extreme Programming, fizeram história em Snowbird – Utah, ao publicar o Manifesto Agile, que sintetizava em 4 valores e 12 princípios, o que havia de melhor nos métodos leves de desenvolvimento de softwares.

O Aglie Mindset é inspirado no Manifesto Agile do Tio Bob, mas hoje é uma nova cultura organizacional presente em todas vertentes da gestão, que valoriza sobretudo a alta performance, alta qualificação, empoderamento, simplicidade e flexibilidade, que se caracteriza por:

  • Priorizar as pessoas e a cadeia de valor do negócio em relação aos processos e
    ferramentas;
  • Fomentar a diversidade e criar ambientes interativos e colaborativos;
  • Promover a flexibilidade e simplicidade para atender às mudanças frequentes;
  • Segmentar a gestão e o desenvolvimento de projetos em pequenos ciclos com
    entregas frequentes e rápidas;
  • Promover times de alta performance, multi skill , auto organizados e empoderados;
  • Envolver os clientes em todas as etapas da inovação e execução;
  • Tornar os erros numa oportunidade de aprendizagem compartilhada;
  • Incentivar a inovação e soluções disruptivas;

RH curador da Agile Mindset e pioneiro da Transformação Digital

Considerando que o Agile Mindset é uma nova cultura, uma nova organização do trabalho e uma nova liderança, o RH deve ser o curador dessa nova cultura, quem divulga, viabiliza a implementação e preserva os princípios essenciais do Agile Mindset em toda a organização.

E como o Agile Mindset é essencial para a Transformação Digital, o RH deve ser também o pioneiro da Transformação Digital da sua própria atividade, reforçando a sua credibilidade de curador pelo exemplo.

As soluções robustas que faltavam para a Transformação Agile e Digital dos Modelos de Negócio e Gestão

Muito se tem dito sobre a importância da Transformação Digital (mais de 214 milhões de textos no Google e mais 50 mil títulos de livros na Amazon), mas as metodologias e práticas realmente disruptivas, além da gestão de projetos e do desenvolvimento de softwares, ainda são experimentais e controversas.

Por isso os cientistas da Euro American Business School e os consultores da PM International Consulting, referência internacional na maximização da produtividade com 38 anos de atividade em 26 países, e 20 anos de atividade no Brasil, com alguns dos melhores talentos Millennials, criaram o agileTXlad, para oferecer às empresas as soluções robustas que faltavam para a implementação de novos Modelos de Negócio e Gestão específicos da Transformação Agile e Digital.

Aprender o Agile Mindset pela experimentação e implementar de forma rápida e eficaz a Transformação Digital com o agileTXlab

O agileTXlab – Laboratório de Transformação Agile é uma organização que desenvolveu e implementa uma metodologia mix de consultoria, treinamento e pesquisa com o mesmo nome, que visa criar dentro das organizações laboratórios para a aprendizagem pela experimentação do Agile Mindset e inovação de novas estratégias, novos modelos de gestão e novos processos, em todas as vertentes da gestão, para a Transformação Digital.

Com esta metodologia podemos desenvolver da forma mais eficaz e rápida:

  • Uma nova estratégia global do negócio ou políticas disruptivas de uma unidade de negócio ou de uma área funcional em apenas 3 a 5 dias;
  • Um novo negócio, serviço ou processo, com respetivo software em apenas 3 a 4 semanas (exemplo um novo produto, um novo modelo de gestão de desempenho, uma nova gestão da remuneração, incluindo uma nova descrição e qualificação de cargos, etc.);
  • Quando a inovação consiste na customização de uma metodologia, processo ou ferramenta Agile já existente, a duração de cada agileTXlab se reduz para metade do
    tempo (exemplo a customização do nosso modelo de gestão e software MaxiProfit, para a gestão do desempenho do negócio pela gestão de desempenho das pessoas);

Estrutura e funcionamento do agileTXlab

A estrutura e funcionamento do agileTXlab é inspirada no Scrum, metodologia Agile para gestão e planejamento de projetos, realizado fora do ambiente habitual de trabalho e composto por:

  • Squad / Scrum Team – Equipe multi skill, altamente qualificada, auto organizada e empoderada, composta por 8 a 16 profissionais RH, TI, responsáveis pela estratégia e pelo negócio e clientes internos e externos;
  • Product Owner – responsável pela visão do que vai criar (tipicamente é um cliente ou um consultor), define os requisitos do Product Backlog;
  • Scrum Master – facilitador (tipicamente um RH ou um consultor) que garante a estrutura de processos do laboratório e a consistência do Agile Mindset e da visão do Product Owner;

Metodologia do agileTXlab

A metodologia agileTXlab é composta por 3 grandes etapas:

  • Disrupção – Why – porquê inovar;
  • Transformação – What – o que inovar;
  • Execução – How – como inovar;

Etapa da Disrupção

Entendemos as motivações e necessidades de inovação do RH, TI, responsáveis pela estratégia e pelo negócio e clientes internos e externos, e definir os desafios a superar com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking e no Pensamento Lateral.

Identificamos também o valor para o cliente dessa inovação e o mínimo necessário para atender o cliente com metodologia agileTXlab inspirada no Lean e no Canvas.

Etapa da Transformação

Idealizamos uma solução inovadora e criamos um protótipo da solução para feedback dos clientes com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking e no Pensamento Lateral.

E mapeamos a cadeia de valor da solução com metodologia agileTXlab inspirada no Lean e no Canvas.

Etapa da Execução

Testamos o protótipo com os clientes e desenvolvemos o MVP – Minimum Viable Product, que volta a ser testado pelos clientes até ao desenho da solução final com metodologia agileTXlab inspirada no Design Thinking, Lean e no Canvas.

Lean Canvas da Solução

A inovação de uma nova estratégia global do negócio ou políticas disruptivas de uma unidade de negócio e a primeira fase da criação de um novo negócio, serviço ou processo, com desenvolvimento ou customização do respetivo software são desenvolvidas nas etapas da Disrupção e Transformação, e tem como output o Lean Canvas dessa solução, que define:

  • Necessidades: Quais são os principais problemas que a solução pretende resolver;
  • Segmentação dos Clientes: Quem são os clientes da solução e como podem ser caracterizados e segmentados;
  • Proposta de Valor Única: Quais são as principais características e fatores de diferenciação da solução que atendem as necessidades e expetativas dos clientes;
  • Solução: Quais são as funcionalidades essenciais do MVP – Minimum Viable Product da solução;
  • Métricas-Chave: Como medir o valor agregado da solução para os clientes;
  • Recursos Tecnológicos: Definição dos recursos tecnológicos exigidos pela solução, como por exemplo, desenvolvimento ou aquisição de software especifico, internet, intranet, mobile, etc;
  • Estrutura de Investimentos: Identificação dos recursos próprios e de mercado necessários para o desenvolvimento da solução, e projeção de custos diretos e indiretos;
  • Fluxos de Desenvolvimento: Projeção do planejamento do desenvolvimento e implementação da solução;
  • Vantagem Injusta: O que torna a solução única e insubstituível;

A metodologia agileTXlab se inspira num mix de outras metodologias Agile

A metedologia agileTXlab se inspira nas seguintes vertentes de outras metodologias Agile:

  • Design Thinking, para uma abordagem antropocêntrica da inovação, integrando as necessidades de todos os envolvidos, as possibilidades dos recursos tecnológicos e os requisitos para a solução final mais eficaz e satisfatória;
  • Pensamento Lateral de Edward de Bono, para estimular o pensamento crítico e a diversidade de perspectivas de forma inclusiva, na criatividade e inovação;
  • Lean, para eliminar continuamente desperdícios e resolver problemas de forma sistemática vislumbrando oportunidades de melhoria e ganhos sustentáveis;
  • Kanban e Burndown Chart, formas de registrar as atividades do laboratório com simbologia visual;
  • Canvas, ferramenta de planejamento estratégico e conceptualização da solução;

O Scrum do agileTXlab é composto pelos seguintes passos:

  1. Criação do Product Backlog da solução – registro das vertentes do serviço a inovar;
  2. Criação do Release Backlog a partir do Product Backlog – priorização e articulação das vertentes do serviço a inovar;
  3. Criação do Sprint Backlog a partir do Release Backlog / User Story, tarefas e metas a desenvolver num ciclo de do projeto;
  4. Realização de Daily Scrum – Reunião diária, realizada em pé, com a duração máxima de 15 minutos, organizada pelo Scrum Master para monitoramento do progresso do Sprint Backlog;
  5. Next Sprint Meeting – Reunião de avaliação de erros, acertos e resultados da Sprint e planejamento da próxima Sprint;
  6. Criação do Protótipo da solução e teste pelos clientes;
  7. Blacklog Grooming – aprimoramento do Product Backlog;
  8. Criação do Minimum Viable Product (MVP) – Versão simples da solução e teste pelos clientes;
  9. Blacklog Grooming – aprimoramento do Product Backlog;
  10. Criação do Produto Final

O Kanban e Burndown Chart são utilizados para monitorar:

  • Product Backlog;
  • Release Backlog;
  • Sprint Backlog;
  • Backlog Grooming;
  • Daily Scrum;
  • Next Sprint Meeting;

Que permitem:

  • Visualizar o workflow;
  • Limitar a quantidade de trabalho (WIP);
  • Gerenciar e medir o fluxo;
  • Tornar os progressos explícitos;
  • Implementar loops de feedback;
  • Reconhecer oportunidades de melhoria;

Certificação internacional Agile & Digital HR Expert da EABS

Os participantes dos agileTXlab para definição de uma nova estratégia global do negócio ou políticas disruptivas de uma unidade de negócio ou de uma área funcional com ou sem customização de uma metodologia, processo ou ferramenta Agile já existente obtém a certificação internacional Agile & Digital Expert da EABS.

No caso dos participantes do Laboratório agileTXlab para definição do modelo e planejamento da Transformação Digital do RH obtém a certificação internacional Agile & Digital RH Expert da EABS.

Os participantes dos agileTXlab para definição de um novo negócio, serviço ou processo, com respetivo software obtém a certificação internacional Agile & Digital Master da EABS.

 

 

A EABS – Euro American Business School é uma escola de negócios “world class”, com atividade no Brasil, América Latina, Europa e África e parceria com 13 universidades de referência internacional, é também uma das proprietárias do agiliTXlab.

 

 

 

 

E o não menos importante, Transformação Agile e Digital tem resultados exponenciais de curto prazo.

Na era exponencial em que vivemos tudo é hiper acelerado, 10 X mais rápido, 10 X mais produtivo e 10 X mais competitivo, por isso não podemos deixar de surfar nesta onda da Transformação Agile e Digital, sabendo que é uma onda muito maior que as ondas gigantes da Narazé que fascinam os surfistas mais conceituados, mas como diz Peter Diamandis, presidente da Singularity University: “The Future is Better than You Think”.

P.S. – O Laboratório agileTXlab foi a metodologia utilizada para Criação de um Modelo de Gestão de Desempenho Agile & Digital e desenvolvimento do Agile Mindset dos executivos de RH, num evento com a duração de 16 horas, realizado na ABRH-SP nos dias 29/10 e 12/11/2018, com a participação de 23 executivos de 13 organizações, e com o patrocínio da ABRH-Brasil e do MBC – Movimento Brasil Competitivo.