Fonte: Next Group

A tecnologia transformou a maneira como fazemos quase tudo e finalmente está inovando o gerenciamento de diabetesCom o avanço de tecnologias como monitores contínuos de glicose, as bombas de insulina tradicionais estão evoluindo para dispositivos mais inteligentes que podem automatizar a administração de insulina, o que algumas pessoas chamam de pâncreas artificial.

Uma comunidade DIY de diabéticos aprendeu a invadir bombas de insulina anos atrás, mas o Loop, como é chamado, não dá acesso a tudo que um sistema comercial poderia oferecer aos usuários. Agora, as empresas de dispositivos médicos Medtronic e Tandem Diabetes Care estão finalmente trabalhando nisso. Ambas têm sistemas de circuito fechado híbridos disponíveis no mercado que podem ajustar os níveis de insulina a cada cinco minutos. Erin Black, da CNBC, acabou de mudar do sistema invadido para o Control-IQ da Tandem e analisa profundamente como as bombas de insulina estão ficando mais inteligentes.

Inventadas em 1963, as bombas de insulina foram se transformando e hoje são modernas e mais fáceis de usar, mas o usuário precisa saber seu nível de insulina e consumo de carboidratos para usá-los. Agora, as bombas estão se tornando mais inteligentes, fazendo a maior parte do trabalho para que os usuários não precisem se preocupar o tempo todo, porém os algoritmos ainda estão em desenvolvimento.