Fonte: ArchDaily
Por Isabella Baranyk

Respondendo a debates recentes sobre como big data afetarão nossos ambientes construídos,  Synthesis Design + Architecture associou-se à Watson Analytics da para projetar uma parede interna para o Watson Experience Center em San Francisco. O projeto, chamado Data Moiré, por conta dos padrões vertiginosos criados por conjuntos de linhas sobrepostas, usa dados da influência dos telefones celulares sobre o gasto mensal dos consumidores para criar um padrão preciso que define a parede.

Big Data transformada em arquitetura em uma parede para IBM

Data Moiré, padrões criados a partir do gasto mensal de consumidores com celulares

Os padrões de dados na superfície da parede são o resultado da modelagem paramétrica baseada na própria análise de dados de Watson, não só formando uma parte da sala de exposição, mas mostrando ativamente as capacidades do próprio sistema. O projeto foi fresado na máquina CNC em duas chapas de alumínio, que juntas criam uma tela intrincada da informação, iluminada entre as duas camadas.

Leia em: http://www.archdaily.com.br/br/870761/big-data-transformada-em-arquitetura-em-uma-parede-para-ibm